4 de out de 2016

filigranas de luar

filigranas de luar


                                                                               Imagem_Zhaoming Wu



na rua quieta a lua se espalha
beijando de leve, com calma e gozo
os muros da cidade

é tão tarde!

escuridão e luz dançam inconstantes
num céu vivo e pulsante
nessa noite

nascida sem alarde!

acordei com o chamado, eram teus olhos
fixos em mim, velando meu sono
a escuridão presa a eles me assusta:

largas amarras
que desprendo

âncoras de desejo
pernas ,braços, alma
entrelaçados por teus beijos

beijos apressados tateando a pele
e teu sorriso desabando
entre filigranas de luar